Qual a melhor hora para a chegada do segundo filho?

Padrão

ads

Desde que virei mãe, comecei a me fazer esta pergunta. Para ser sincera, acho que foi na maternidade quando fui ter o Henrique. Risos A única certeza que tinha, é que queria mais filhos; queria saber como era a relação entre irmãos, ter a casa cheia de crianças correndo de uma lado para outro, organizar festinhas, buscar na escola, levar ao cinema etc.
Quando comentei com amigos e parentes próximos que queria ter um filho seguido do outro, porque eu realmente acredito que dá muitooo trabalho na hora mas depois, tudo ficará mais tranquilo porque crescerão juntos sem muita diferença de idade, as respostas foram diversas. ” Que coragem”, “Você é louca”, ” A melhor coisa que você está fazendo, criando todos de vez”, e por aí vai… O Henrique, por exemplo será 1 ano e 6 meses mais velho que o irmão(a).

Na minha opinião, não existe uma hora certa ou a melhor hora para a chegada de um segundo filho.O que existe é saber tomar essa decisão sem grandes preocupações ou dúvidas, levando em consideração alguns pontos que veremos a seguir.

Primeiramente é preciso que o casal esteja de acordo, para que juntos possam planejar e analisar todos os aspectos dessa decisão. É muito bom planejar a chegada de um filho, porque traz segurança e estabilidade emocional para toda a família.

É importante saber o que significa e exige de ambos, educar, sustentar e cuidar de duas crianças com pouca diferença de idade, se esse for o caso, e se prepararem para assumir essa importante tarefa. Sendo assim não haverá motivos para ter medo ou inseguranças.

Se a sua criança é educada com autonomia, usando métodos adequados para estabelecer disciplina e limites, e se a legítima autoridade é exercida por ambos, com regras claras, então não será difícil receber uma nova criança para educar e cuidar ao mesmo tempo.

Outro aspecto importante é saber preparar sua criança para receber um irmãozinho, de tal maneira que ela se sinta no seu verdadeiro lugar, sem a sensação de estar perdendo-o para o novo bebê que vai chegar.

Respeite sua criança, ela precisa se sentir segura, recebendo o afeto, a atenção, o carinho e a compreensão que necessita, assim não terá motivos para sentir ciúmes do bebê que está sendo esperado e muito mais depois que ele nascer. É preciso respeitar os sentimentos que se apoderam dela nesse momento, pois é natural que ela se sinta emocionalmente mais sensível a essa mudança. O ciúme é um sentimento inevitável nesse momento, mas pode-se amenizá-lo através do reconhecimento e aceitação desse sentimento.

Vale lembrar que a criança se sente amada e compreendida quando os pais a tratam com carinho, atenção e acima de tudo com justiça. Ela precisa de limites, porém com severa doçura, para que ela se sinta segura e assim não precise chamar a atenção dos pais para ela. É preciso saber lidar com esse novo momento que vive a família, de forma natural e sem estresse.

Se tiver dúvidas, busque ajuda de profissionais competentes, ou em bons livros que orientam levando em conta natureza da criança e as características que são peculiares em cada fase de seu desenvolvimento. E apresente também estratégias e recursos pedagógicos, para melhor lidar com esse delicado momento que vive a criança.

Usem recursos pedagógicos simples, ou seja, envolvendo a criança nas escolhas do enxoval, deixando-a participar de toda mudança que precisa ser feita no espaço físico ou qualquer outra decisão que precisa ser tomada.

Evitem tirar da criança algo que ela ainda usa para dar ao bebê que vai chegar e não faça promessas que só serão cumpridas depois do nascimento, para que não gere ansiedade.

Ao falarem com outras pessoas sobre o bebê que vai chegar, não ignorem sua criança se ela estiver por perto, fiquem atentos para deixá-la participar também da conversa.

Esperem para fazer mudanças no ambiente, quando a criança já tiver assimilado bem a nova situação, se possível, após alguns meses de gestação.

Nesse período não é recomendável fazer procedimentos como: retirada da chupeta, das fraldas e outras hábitos que a criança possa ter. Afinal, não são somente os pais que estão esperando um bebê, mas também um serzinho curioso e ansioso que mal sabe o que é ter um irmãozinho.

Tudo o que fazemos com consciência e com o coração, certamente trará bom resultado.

Anúncios

Sobre Mães de Plantão

Sou jornalista de formação, blogueira por paixão, esposa e full time mom de uma belíssima dupla: Henrique e Joaquim; uma mamãe ocupada por opção e de coração! Mães de Plantão é um blog com conteúdo voltado especialmente para mães, gestantes ou ainda, apenas simpatizantes desse grande projeto de vida chamado “ter filhos”. Logo que me tornei mãe, surgiu a vontade de compartilhar dicas e informações que fossem úteis para outras mães, com opiniões colocadas de uma forma bem direta, leve, descontraída e acima de tudo, honesta. Todo o conteúdo é criado e selecionado com muito carinho antes de ser publicado porque sei o quanto ficamos felizes e aliviadas quando encontramos alguém para dividir os mesmos dilemas deste, imenso,universo infantil.. Este blog serve para ajudar as mães de primeira viagem que assim como eu, sonharam por este momento único em suas vidas e querem dar o melhor de sí para este novo ser, que de alguma forma nos torna uma pessoa melhor a cada dia. Tornam sim, não por mágica. Tornam-nos melhores porque se não queremos que gritem não podemos gritar. Porque se não queremos que mintam não podemos mentir. Porque temos de cumprir o que prometemos se queremos que o façam algum dia. Aprendemos depressa que se queremos que não façam não podemos fazer. Sim, os filhos têm esse dom. O dom de nos obrigarem a pensar no que fazemos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s