Obesidade infantil: a culpa é de quem?

Padrão

Um pai de Londrina (PR) registrou um boletim de ocorrência contra a ex-mulher e os avós maternos da filha por maus-tratos. Ele alega que o ganho de peso da criança – que, aos 6 anos, pesa 49 kg – seria culpa da mãe. Mas será que a acusação faz sentido? A obesidade é uma doença multifatorial. Ou seja, não existe apenas um fator determinante. Genética, sedentarismo e até o medo da violência, o que faz as crianças não brincarem tanto na rua, pode interferir. A solução,nesses casos, é que toda a família participe de uma reeducação alimentar – e não apenas a criança obesa.

Anúncios

Sobre Mães de Plantão

Sou jornalista de formação, blogueira por paixão, esposa e full time mom de uma belíssima dupla: Henrique e Joaquim; uma mamãe ocupada por opção e de coração! Mães de Plantão é um blog com conteúdo voltado especialmente para mães, gestantes ou ainda, apenas simpatizantes desse grande projeto de vida chamado “ter filhos”. Logo que me tornei mãe, surgiu a vontade de compartilhar dicas e informações que fossem úteis para outras mães, com opiniões colocadas de uma forma bem direta, leve, descontraída e acima de tudo, honesta. Todo o conteúdo é criado e selecionado com muito carinho antes de ser publicado porque sei o quanto ficamos felizes e aliviadas quando encontramos alguém para dividir os mesmos dilemas deste, imenso,universo infantil.. Este blog serve para ajudar as mães de primeira viagem que assim como eu, sonharam por este momento único em suas vidas e querem dar o melhor de sí para este novo ser, que de alguma forma nos torna uma pessoa melhor a cada dia. Tornam sim, não por mágica. Tornam-nos melhores porque se não queremos que gritem não podemos gritar. Porque se não queremos que mintam não podemos mentir. Porque temos de cumprir o que prometemos se queremos que o façam algum dia. Aprendemos depressa que se queremos que não façam não podemos fazer. Sim, os filhos têm esse dom. O dom de nos obrigarem a pensar no que fazemos.

»

  1. Navegando pela internet, cheguei no seu blog e gostei tanto que estou vendo mes a mes, bem cheguei nesse e vi esse post. Tenho um filho de 2 anos com uma sindrome rara chamada Prader Willi. O recem nascido nasce muito fraco, hipotonico, problemas gastrico, dificil succao e por ai vai, muitas das vezes essa sindrome e de dificil diagnostico por ser confundida com outras doencas neuromusculares, como distrofias e miopatias, mas quando a crianca chega aos 8 – 11 meses de idade, a hipotonia vai melhorando e a crianca vai retomando seus marcos. Dos 2 aos 6, quase todas sofrem de hiperfagia, uma conpulsao por comida e acabam engordando muito. Quando o diagnostico e precoce, ja se entra com uma dieta de baixas calorias e assim mesmo eles engordarao devido ao metabolismo muito lento. Enfim, as vezes a culpa nao e de ninguem e sim de uma causa genetica. Beijos e parabens, adorei seu blog!

    • Ei Gabriella Vieira!
      Obrigada por acompanhar o blog e pelo comentário. Não conhecia esta síndrome mas, já anotei na minha agenda para dar uma pesquisada sobre o assunto e escrever um post sobre isso. Muito obrigada mais uma vez! Um grande beijo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s