Quase lá – 29 a 40 semanas de gestação

Padrão

Na semana 28, o feto tem cerca de um quilo. Até o fim da gestação, ele provavelmente vai triplicar o seu peso, ou seja, é no último trimestre que ele vai ganhar mais peso. Neste período, o feto faz movimentos com o tronco e os membros, que são facilmente sentidos pelas mães. A esta altura, o sistema nervoso central está suficientemente maduro para o movimento de sugação,que facilitará a amamentação. Os músculos do tórax simulam a respiração, adequando-o para que o recém-nascido respire após o parto. Ele também dorme na barriga da mãe,em períodos de aproximadamente 40 minutos. É comum, no fim da gestação, eles dormirem ao mesmo tempo em que a mãe dorme.

A ingestão de carboidratos e um alto nível de estresse podem causar um aumento de atividade motora do feto. Já quando ela consome bebidas alcoólicas, fuma um cigarro ou mesmo escuta uma música relaxante, a atividade motora pode diminuir.

Desde antes da metade da gestação, o feto pode estar de cabeça para baixo,que é a posição mais comum de nascimento. Entretanto, não quer dizer que ele já esteja encaixado e pronto para nascer. Isso só vai acontecer quando a cabeça do bebê estiver fixa na pelve da mulher, o que ocorre aproximadamente uma semana antes do parto e pode ser verificado pelo exame de toque vaginal. Em gestações gemelares, os bebês podem estar ambos sentados, de ponta cabeça ou cada um numa posição. É raro que um deles apareça atravessado. Para que o parto seja normal, entre outras condições, é preciso que o primeiro esteja de cabeça para baixo.

Anúncios

Sobre Mães de Plantão

Sou jornalista de formação, blogueira por paixão, esposa e full time mom de uma belíssima dupla: Henrique e Joaquim; uma mamãe ocupada por opção e de coração! Mães de Plantão é um blog com conteúdo voltado especialmente para mães, gestantes ou ainda, apenas simpatizantes desse grande projeto de vida chamado “ter filhos”. Logo que me tornei mãe, surgiu a vontade de compartilhar dicas e informações que fossem úteis para outras mães, com opiniões colocadas de uma forma bem direta, leve, descontraída e acima de tudo, honesta. Todo o conteúdo é criado e selecionado com muito carinho antes de ser publicado porque sei o quanto ficamos felizes e aliviadas quando encontramos alguém para dividir os mesmos dilemas deste, imenso,universo infantil.. Este blog serve para ajudar as mães de primeira viagem que assim como eu, sonharam por este momento único em suas vidas e querem dar o melhor de sí para este novo ser, que de alguma forma nos torna uma pessoa melhor a cada dia. Tornam sim, não por mágica. Tornam-nos melhores porque se não queremos que gritem não podemos gritar. Porque se não queremos que mintam não podemos mentir. Porque temos de cumprir o que prometemos se queremos que o façam algum dia. Aprendemos depressa que se queremos que não façam não podemos fazer. Sim, os filhos têm esse dom. O dom de nos obrigarem a pensar no que fazemos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s